VOLTAR

Este é um casamento um bocado diferente do que estão habituados. E na galeria vão poder comprovar isso. Por onde começar? A Marina e o Bruno queriam um casamento que estivesse de acordo com o que sentiam que devia ser o seu dia. Não uma mudança radical relativamente à tradição mas como umas nuances mais pessoais. Por exemplo, a Marina não quis fotos da preparação, não queria as preocupações que esse momento podia trazer. Queria estar à vontade a falar do que queria com as pessoas que estavam naquela sala. Já o Bruno não queria nada tradicional. Apenas documentação do que fosse acontecendo. E assim foi!
A cerimónia foi das mais bonitas que já presenciei. Eles pediram aos padrinhos e madrinhas para lhes lerem votos e tornou tudo muito mais pessoal e emocional. Desde discursos em que mal se conseguiam dizer duas palavras sem soluçar até um cover de uma música com letra adaptada que gerou gargalhadas por toda a gente :D 
O que mais fizeram diferente? Não quiseram primeira dança, não quiseram perder muito tempo na sessão de noivos (posso dizer que durou menos de 15 minutos!) e o momento mais marcante para mim foi quando depois de cortar o bolo o chefe de sala disse para entrarem para a sala de refeições que iam servir o bolo e a noiva sai disparada para o DJ a dizer que estava ali era pra dançar e abriu a pista para tornar esta noite numa das melhores noites que tive em casamentos! Estava a loucura! 
Portanto: façam diferente, façam à vossa maneira. YOU DO YOU !

MARINA & BRUNO

casamento na casa do ribeirinho